Category

Biblioteca

A várias mãos #5

By | Biblioteca, Destaques, PVPV | No Comments

Dia 19 de outubro! Realizou-se a apresentação do livro “A várias mãos #5”, um livro que resultou do trabalho colaborativo dos vários Agrupamentos de Escolas e Escolas Secundárias do concelho da Póvoa de Varzim, sob o patrocínio da CMPV.

Este ano, os textos versaram o tema “Teares dos tempos”. E nesta quinta edição, coube à Educação Pré-escolar representar o Agrupamento de Escolas de Aver-o-Mar.

Eis o trabalho que realizaram:

FONTE da MOURA

Já viram a “Fonte da Moura”? – perguntou a educadora com entusiasmo,

E os meninos logo disseram que sim. E a educadora continuou:

– Sabiam que esta fonte é famosa? Sabem porquê?

E uma criança referiu com determinação:

– Um rei esteve nesta fonte.

– Havia lá cobras! – garantiu uma outra criança.

E a educadora continuou: “Conta a lenda que o rei D. Afonso Henriques e alguns cavaleiros passaram por este local de Navais. Estavam com sede e perguntaram a uma jovem moura fugitiva se esta sabia onde poderiam encontrar água nas redondezas. Esta respondeu que a fonte ficava muito longe, mas que se o Deus dos cristãos era assim tão poderoso, então que fizesse nascer ali mesmo uma fonte. Talvez ela se convertesse ao cristianismo.

  1. Afonso Henriques desceu do cavalo, pousou a espada e retirou-se para rezar. De repente, ouviu-se um borbulhar de água fresca que corria formando, logo ali, um pequeno regato. A fonte ficou conhecida pela “Fonte da Moura”.

– A minha mãe contou essa história, a história da moura! – lembrou uma pequenita.

A educadora mostrou a imagem de D. Afonso Henriques, no computador, referindo que foi o primeiro rei de Portugal.

– Uau! Tem um escudo! E uma espada! Foi esta espada que ele pousou no chão quando rezou?

– Eu não sabia que tínhamos rei!

– E as cobras? – perguntou uma outra criança – O meu avô disse que apareciam lá na fonte cobras, há muitos anos!

– Havia quem dissesse que a moura se transformava numa cobra sempre que alguém ia à fonte! – disse a educadora.

– Uau, que medo! Cobras!

– E que tem? Eu não tenho medo de cobras! – disse um rapazinho.

– Quem já esteve nesta fonte? – questionou a educadora.

E alguns dos meninos levantaram a mão e, logo de seguida, surgiram diversas constatações:

– Tem umas grades! Está tapada com pedras!

– É pequenina, deita água, faz uma poça e vai para um rio!

– Há muitos bichinhos que vivem lá!

– Sim… formigas, sapos… eu acho que vi um peixe!

– Um tubarão? Ou um crocodilo?

– Não, o tubarão é muito grande. Não cabe lá! O crocodilo também não!

– Quando os bichinhos veem as pessoas assustam-se e pulam!

-A fonte tem pedrinhas! E as pedras de cima não deixam o sol entrar e atrapalhar os bichinhos que lá vivem!

– Será que podemos beber água dessa fonte? – perguntou a educadora.

– Eu acho que não! Tem lixo! -disse uma das gémeas.

– Está com grades, não conseguimos tirar água! – referiu um menino.

– O meu avô disse-me que foi arranjar a fonte!

– Esta fonte é tão famosa, tão importante! O que acham que devemos fazer com a fonte? – perguntou a educadora.

– Deixá-la em paz por causa dos bichinhos!

– Cuidar dela, ela é linda!

– Eu acho que devíamos pôr uma placa a dizer “Aqui bebeu um rei”!

– Vejam só – disse a educadora – a fonte já deu de beber a muitas pessoas! Agora é um local onde vivem muitos bichinhos! E vocês já pensam em cuidar dela para que ninguém se esqueça que ela já foi importante! É caso para dizer:

  AS TEIAS QUE O TEMPO TECE!

– Professora, quem tem teias são as aranhas e eu vi lá uma aranha!

JI de Navais

Aver-o-Mundo: “a-contar-e-a-ouvir-histórias”

By | Aver-o-Mundo /FAMI, Biblioteca, Destaques, FAMI | No Comments

No âmbito das comemorações do Dia Mundial da Língua Portuguesa e dando resposta à atividade do PNL “Eu conto”, partilhamos  três ficheiros enquadráveis nas Oficinas Culturais do projeto Aver-o-Mundo,  do Agrupamento de Escolas de Aver-o-Mar, numa iniciativa que recebe o nome de “A-contar-e-a-ouvir-histórias”.

Estes trabalhos, orientados pelas professoras titulares de turma Cristina Silva, Cidália Oliveira e Raquel Novais, em articulação com a professora bibliotecária Zulmira Lima, narram três histórias tradicionais:

 turma do 2º ano da EB Agro Velho: “Os três porquinhos”

turma do 1º ano da EB Refojos: “O Coelhinho Branco”

turma do 2º ano da EB Refojos: “A Carochinha e o João Ratão”

Quer juntar-se a esta iniciativa? Quer partilhar histórias tradicionais connosco?

Grave os seus trabalhos e envie, com o seu nome, idade e país de origem, através de email, para direccao@aeaveromar.pt

Depois de recebermos os seus trabalhos, será contactado para a sua publicação neste canal.

 

 

 

14ª edição do Concurso Nacional de Leitura

By | Biblioteca, Destaques | No Comments
A 14.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) decorre entre o dia 1 de outubro de 2020, data oficial de abertura, e o dia 5 de junho de 2021, dia da grande final, em Oeiras.

O objetivo central do Concurso Nacional de Leitura é estimular o gosto e os hábitos de leitura e melhorar a compreensão leitora.

A iniciativa tem como destinatários alunos dos 1.º,2.º, 3.º ciclos do ensino básico e alunos do ensino secundário.

Mais uma vez, o Agrupamento participa nesta iniciativa, estando a decorrer as dinâmicas da 1ª Fase do concurso – Fase Escolar/Municipal- para seleção dos alunos representantes dos diferentes ciclos de ensino do agrupamento na etapa municipal.
A todos boas leituras!!

Vamos celebrar a leitura…

By | Atividades, Biblioteca | No Comments

Vamos celebrar a leitura…

Efetivamente durante todo o mês de março, as escolas deste Agrupamento estão em festa com os livros.

E para “festejar a leitura como ato comunicativo, diálogo entre as artes, as humanidades e as ciências, espaço de encontro, criativo e colaborativo” (in PNL), convidamos todos, apelando à participação nas atividades propostas nos nossos programas.

O nosso Cartaz:

Aprender com a Biblioteca Escolar

By | Biblioteca, Destaques | No Comments
As bibliotecas escolares são um espaço educativo integrador de múltiplas literacias e desempenham um papel cada vez mais decisivo de capacitação das crianças e dos jovens que as utilizam, formal ou informalmente.
A integração explícita e intencional em projetos e atividades realizadas com e pelas bibliotecas escolares, de competências nas áreas da leitura, dos media e da informação, em ambientes físicos ou digitais, constitui uma das mais importantes estratégias para o sucesso escolar e o desenvolvimento pessoal e cultural dos jovens.
Num contexto educativo em que, no Perfil dos alunos à saída da escolaridade obrigatória se considera “a escola, enquanto ambiente propício à aprendizagem e ao desenvolvimento de competências, onde os alunos adquirem as múltiplas literacias que precisam de mobilizar,” a biblioteca escolar pode, através dos instrumentos de que dispõe, dar um contributo significativo e imprescindível para a reconfiguração que se pretende para a escola pública. De igual modo, para a concretização da flexibilidade curricular, a biblioteca escolar constitui um lugar de interseções e colaboração para o desenvolvimento das literacias. A biblioteca favorece a educação inclusiva e enriquece os contextos e as estratégias de ensino e de aprendizagem, promovendo o desenvolvimento das literacias essenciais ao exercício de uma cidadania plena.
O referencial Aprender com a biblioteca escolar é um instrumento determinante na persecução destes objetivos, tendo sido demonstrada pelas escolas envolvidas na sua aplicação, a clara vantagem deste tipo de intervenção, quer na motivação dos alunos, quer no enriquecimento das práticas de ensino, nos resultados obtidos e nos produtos gerados. (https://rbe.mec.pt/np4/89/)
No sentido de potenciar as práticas de apoio ao currículo, flexibilização curricular e cidadania, os professores bibliotecários do agrupamento dinamizam sessões de formação de professores com base em propostas do referencial Aprender com a Biblioteca Escolar com início no dia 30 de outubro às 17h30 na Biblioteca Escolar da Escola Sede.

Concurso Nacional de Leitura

By | Biblioteca, Destaques | No Comments
A 14.ª Edição do Concurso Nacional de Leitura (CNL) está a decorrer.
O objetivo central do Concurso Nacional de Leitura é estimular o gosto e os hábitos de leitura e melhorar a compreensão leitora. A iniciativa tem como destinatários alunos dos 1.º,2.º, 3.º ciclos do ensino básico e alunos do ensino secundário.
Cabe ao Plano Nacional de Leitura 2027 (PNL2027) a iniciativa e o desenvolvimento do CNL, ao longo de quatro fases consecutivas:
Fase Escolar / Municipal – Engloba as provas nas escolas/agrupamentos e nos municípios.
O 1.º momento é da responsabilidade das escolas/agrupamentos do Continente e dos Arquipélagos dos Açores e da Madeira, bem como do Camões, IP e da DGAE/DSEEPE, nas escolas portuguesas e da Rede de Ensino Português no estrangeiro que aderirem a esta iniciativa.
O 2.º momento traduz-se pela realização de provas organizadas pelas Bibliotecas Municipais, dirigidas aos alunos vencedores do momento anterior.
Fase Intermunicipal – Esta fase congrega os vencedores selecionados em cada um dos municípios para a realização de provas nas Comunidades Intermunicipais ou Áreas Metropolitanas, a decorrer nestas datas.
Fase Nacional – conta com a participação de todos os parceiros e é constituída por uma prova que apurará cinco finalistas em cada nível de ensino, os quais serão, na cerimónia final, ordenados em função da avaliação de um júri nacional, a constituir para o efeito.
Como em edições anteriores, o PNL2027, com o propósito de dar a esta celebração da leitura e da escrita um caráter mais universal e significativo, articula-se com a Rede de Bibliotecas Escolares (RBE), com a Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas (DGLAB), com o Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, IP), com a Direção-Geral de Administração Escolar/Direção de Serviços de Ensino e das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (DGAE/DSEEPE) e com a Rádio Televisão Portuguesa (RTP), responsável pela cobertura televisiva do evento, e com a Câmara Municipal de Oeiras.
A participação no concurso está aberta às escolas do Continente e das Regiões Autónomas dos Açores (RAA) e da Madeira (RAM), das redes pública e privada que a ele aderirem, através da inscrição de alunos de todos os ciclos de ensino – 1.º ciclo / 2.º ciclo / 3.º ciclo / ensino secundário. Está igualmente aberta aos alunos das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (EPE) da área de influência da Direção-Geral de Administração Escolar/Direção de Serviços de Ensino e das Escolas Portuguesas no Estrangeiro (DGAE/DSEEPE) e aos alunos da rede de Ensino Português no Estrangeiro (EPE) do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua (Camões, IP).
Informação complementar em:    https://bibavm.blogspot.com/2019/10/cnl-2019-20.html

Cientificamente Provável na EB de Aver-o-Mar

By | Biblioteca, Destaques | No Comments
No âmbito do projeto Cientificamente Provável – protocolo de cooperação entre o Ensino Superior e o Ensino Básico – decorreu no passado dia 6 de maio mais uma iniciativa na Escola Básica de Aver-O-Mar.

Desta feita, uma palestra proferida pelo Dr. Samuel A. Lopes do Departamento de Matemática da FCUP, dirigida a alunos de 9º ano.

Os alunos presentes tiveram a oportunidade de observar vários exemplos que ressaltam a importância da matemática e a sua aplicação a diferentes áreas do saber: das Ciências às Humanidades!

A iniciativa resultou do trabalho articulado entre a Biblioteca Escolar e o Grupo de Matemática sendo que ficou a premissa de outras ações virem a acontecer.


       Marta Antunes

Coordenadora Biblioteca Escolar
Agrupamento Escolas Aver-O-Mar

Boas práticas de Segurança Online

By | Atividades, Biblioteca, Destaques | No Comments

A Atividade “Boas Práticas de Segurança Online”  decorrerá, neste Agrupamento, entre os dias 28 de janeiro e 28 de fevereiro. É uma iniciativa  da disciplina de TIC, do subdepartamento de matemática, em articulação com a Biblioteca Escolar.

No dia 1 de fevereiro será realizada a sessão informativa “Bullying e Cyberbullying” para os alunos e Encarregados de Educação, estando também previstas  atividades com óculos 3D de Realidade Virtual, no final do mês de fevereiro.

Programa completo:

Cartaz Divulgação_BPSO

Notícias das bibliotecas: atualização EB Navais

By | Atividades, Biblioteca, Destaques | No Comments
Em 2016/17, alunos das turmas NA3 da EB Navais e 5ºD da EB Aver-O-Mar participaram na iniciativa solidária Histórias Ajudaris 2017 e viram os seus textos publicados no volume 1 deste projeto.
A fim de divulgar a nossa participação nesta iniciativa, a Biblioteca Escolar convidou os pequenos autores a gravar a leitura dos seus textos. Aqui fica o testemunho audio da iniciativa, também disponível no blogue da Biblioteca BIB AVM.

Parabéns!

https://www.youtube.com/watch?v=Tdz1yw67AuI

https://www.youtube.com/watch?v=uTIlFtkNmz4

 

Destaca-se, ainda, o trabalho da turma RF4 no âmbito do projeto "Ler para aprender+", um projeto interdisciplinar a partir de leituras de obras e de consulta de informação na internet, com links disponibilizados num roteiro.

https://bibavm.blogspot.com/

Destaca-se, este mês, mais um trabalho, desta feita a iniciativa da turma NA4, da EB Navais, cujo trabalho pode ser vista abaixo.

ler-para-aprender+ NAVAIS

 

Help-Desk